PDF: Visão geral da inflamação oral

Nos últimos 25 anos, o campo da periodontia testemunhou mudanças notáveis na compreensão dos processos de doença e a sua relação com o corpo como um todo.

Colgate


O foco na inflamação da gengiva e do periodonto, como sendo importante somente para a doença da cavidade bucal, mudou consideravelmente de forma a incluir associações significativas com a saúde de outros sistemas do corpo.

Leia também: PDF: Anatomia do Periodonto

Histórico
A doença gengival é um processo inflamatório caracterizado por um aumento no rubor, edema e sangramento da gengiva na sondagem. Gengivite é uma inflamação das gengivas, provocada por placa e acúmulo de bactérias. Esta pode evoluir para um estado mais grave, quando o processo inflamatório se estende para o ligamento periodontal e o osso alveolar

Periodontite é uma das causas da perda do tecido conjuntivo, reabsorção do osso alveolar e da formação de bolsas periodontais, que eventualmente podem levar à perda de inserção e, conseqüentemente, à perda dos dentes; a periodontite é uma das causas mais comuns de perda de dentes em adultos.

Acredita-se que o processo seja episódico e não contínuo, com períodos alternados de evolução e remissão da doença.

De acordo com uma pesquisa realizada nos Estados Unidos na metade da década de 1980, entre 73% e 80% dos adultos apresentavam alguma perda de inserção periodontal (2 mm ou mais), enquanto que 15% dos adultos entre 60 e 64 anos apresentavam periodontite avançada (isto é, perda de inserção > ou = 6 mm). O risco de desenvolver doença periodontal varia entre os pacientes, dependendo de fatores como idade, hereditariedade, diabetes, higiene bucal deficitária e tabagismo.



Tráfico Semanal