PDF: Estudo cefalométrico das características tegumentares de pacientes com má oclusão de Classe III

A má oclusão de Classe III é uma discrepância anteroposterior, que pode ser caracterizada por crescimento mandibular excessivo e/ou retrusão maxilar.

ortodontia-classe-III


Objetivo: Avaliar as características tegumentares de pacientes Classe III na cidade de Mossoró, Estado do Rio Grande do Norte, além de apontar se há associação entre as variáveis cefalométricas e o gênero.

► Leia também: ORTODONTIA: Etiologia das Más Oclusões - Causas Hereditárias e Congênitas - PDF

Material e método:

Foi selecionada uma amostra retrospectiva de 52 telerradiografias em norma lateral de indivíduos adultos, com perfil facial côncavo e valores de ANB e AOBO negativos. As telerradiografias selecionadas foram analisadas no programa Radiocef Studio 2. Posteriormente, realizou-se uma análise descritiva das variáveis, calculando-se média, desvio-padrão, mínimo e máximo. O teste t para dados independentes foi utilizado para detectar diferenças entre os gêneros.

Resultado:

O perfil facial apresentou valor médio de 176,9°±5,9; o ângulo nasolabial, 91,9°±13,1; o sulco mentolabial, 137,9°±13,3, e a projeção nasal, 16,2 mm±4,5. Os terços faciais superior e inferior apresentaram as seguintes médias: 60,7 mm±14,3 e 70,5 mm±19. Para as espessuras labiais superior e inferior, obtiveram-se as médias 13,4 mm±5,1 e 13,9 mm±4,8, respectivamente. A protrusão labial superior revelou como média 3,3 mm±2,7 e a inferior, 4 mm±3,1.



Tráfico Semanal

ANF

Get our newsletter